domingo, 26 de maio de 2013

Efeitos do multiculturalismo na Suécia

N.P. Ainda que o politicamente correcto, a comunicação social nacional e estrangeira não menciona a origem destes arruaceiros "jovens", mas não há problema, qualquer dia já nem será necessário mencioná-los de tão tristemente comum se tratar. 
Esquerda política, lobbys das minorias e afins em silêncio, para não variar.


"Na Suécia, o primeiro-ministro Fredrik Reinfeldt fez um apelo à calma depois da terceira noite consecutiva de confrontos entre jovens e polícia. Desde o fim de semana que um grupo de adolescentes causa distúrbios em Estocolmo, considerados como os piores dos últimos anos. Dezenas de carros foram incendiados nos últimos dias. Os jovens têm partido janelas de edifícios em vários pontos da cidade. Pelo menos oito pessoas já foram detidas. A revolta está relacionada com a morte de um jovem que foi atingido por um disparo da polícia." Público