sexta-feira, 5 de julho de 2013

CONFIRMA-SE QUE BILDERBERG NÃO DORME

Posso deixar aqui o meu contributo para a teoria da conspiração, posso? Então aqui vai.
O Clube Bilderberg, onde as oligarquias político-económicas planeiam o mundo à medida dos seus interesses estratégicos, voltou a escolher, pela mão de Pinto Balsemão, o próximo primeiro-ministro de Portugal. Chama-se António José Seguro, um político profissional que se tem vindo a notabilizar como clone, em versão PS, de Pedro Passos Coelho. O objectivo é que ele mesmo venha a clonar a política do actual governo. Não terá sido por acaso que Paulo Portas o acompanhou na última reunião do dito clube (Balsemão também não dorme em serviço): dele se espera a muleta parlamentar de que o PS necessitará no futuro que se adivinha. O primeiro passo nessa direcção foi dado hoje, com a demissão do dito.
Tudo aponta, pois, para que passemos de Dupont a Dupond. Ou será ao contrário?
É claro que tudo isto pode vir a embater num obstáculo que, até ver, não tem perturbado as contas de Bilderberg: a democracia e a vontade dos cidadãos. Pormenor negligenciável?