quinta-feira, 30 de abril de 2015

Os pais não são todos iguais


Helena Matos

Estes vietnamitas procuram o seu pai americano. Em casos destes os jornalistas enfatizam a falta do pai, histórias de vida em que sempre se sentiu a falta do pai, a dor de não ter pai… O mesmo se passacom estes guineenses

Pelo contrário nestes casos o pai não faz falta alguma. Nem ninguém pergunta onde está nem muito menos se prevê que a criança sentirá a falta dele.

Sem comentários: