terça-feira, 8 de novembro de 2016

Comentários valiosos

(...)Primeiro, Clinton não é espantosamente melhor peça do que Trump, do mesmo modo que o establishment não é espantosamente boa peça, ponto. Segundo, e muito mais grave (porém, sadiamente verdadeiro), o planeta pós-histórico regressou à política, quer dizer, à fractura bruta no mundo estagnado. Regressou em moscovo, em ancara, no brasil, em paris, na grécia, na terra dos tugas, na espanha ingovernável, no unforgivable colombiano, no impasse pós-chavista, nos esquadrões de duterle, no brexit, na américa, pulverizada em quatro (subdivisão de republicanos e de democratas), no isis estranhamente inerradicável, nos bairros de bruxelas, na guerra atómica a espreitar 4 clivagens (índia/paquistão, coreia/resto do mundo, eua/urso, irão ou não irão).

Acerca deste artigo

2 comentários:

Rick disse...

Eu dúvido muito que Trump seja a solução mas Hillary certamente que representa o "stablishment"(ainda ontem naquela charada a que chamam "prós e contras" vimos quatro apologistas da Hillary/sistema e pelo menos um deles(ela) teve o desplante de dizer abertamente que o grande capital apoia a sra Clinton)o qual representa isto aqui http://www.omnia-veritas.com/lemprise-du-mondialisme---crise-majeure

Rick disse...

http://thehill.com/blogs/ballot-box/presidential-races/276339-sanders-courts-black-voters-at-sharpton-backed-event from last april(neste link Sanders disse que Hillary é parte do establishement/sistema). I do not believe in any candidate by the way,but the democrat side is awashed in hipocrisy.