quinta-feira, 2 de fevereiro de 2017

O Ocidente Está Neste Preciso Momento a Viver Uma Crise Civilizacional em Pleno

João José Horta Nobre



«Video: This Deranged Anti-Trump Protester is the Weirdest Thing Ever»
Estamos a entrar no reino da loucura absoluta. No fundo, trata-se apenas do resultado pleno da aplicação das teses doentias da Escola de Frankfurt. Decadência cultural a todo o gás, em conjunto com uma gravíssima crise demográfica e identitária. O Ocidente está neste preciso momento a viver uma crise Civilizacional em pleno. Com os actuais sintomas agudos e à velocidade a que doença está a evoluir, já não deve faltar muito para algo "estalar" de vez. É inevitável. Entretanto, aquele poço de virtudes inauditas chamado Madonna, já veio dizer que gostaria de "fazer explodir a Casa Branca". Julgo estarmos conversados sobre o tipo de gente que os nacionalistas hoje têm pela frente a fazer-lhes oposição e guerra nas ruas. Quando a coisa "estalar" e podem ter a certeza de que vai "estalar", será necessário tomar medidas radicais. Muito radicais mesmo. Nessa altura depois não se esqueçam de que nós estamos apenas a apanhar os cacos da tragédia que os "sábios democratas" passaram os últimos cinquenta anos a semear. E não se esqueçam também de que por vezes, para que um médico consiga salvar um dado paciente, precisa de lhe amputar uma perna, ou um braço, ou até mesmo em certos casos mais extremos as duas pernas e/ou os dois braços. Para bom entendedor meia-palavra basta... Tenho dito. 

5 comentários:

João José Horta Nobre disse...

Obrigado pela divulgação.

;)

P.S. - O link do video não está a funcionar...

Bilder disse...

Hollywood já foi conhecida pela ‘Lista Negra’, capaz de arruinar carreiras e vidas de atores, argumentistas e realizadores com simpatias comunistas. Isso torna mais irónico que seja agora o epicentro do pensamento único que quer excluir quem apoie Donald Trump ou apenas não denuncie a presença de enxofre no ar sempre que o presidente dos EUA, eleito por cerca de metade daqueles que se deram ao trabalho de votar, inspira ou expira. Vivemos num tempo em que nove em cada dez estrelas de cinema praticam o proselitismo, procurando converter as massas quando as câmaras estão ligadas. E num tempo de exclusão de quem pensa diferente, como acontece em Portugal quando a inofensiva Maria Vieira é alvo de boicotes - espera-se que só nas redes sociais e não nas ofertas de papéis - por defender publicamente as decisões, certas ou erradas, de Donald Trump. Tal como o pior cego é aquele que não quer ver, os piores construtores de muros são aqueles que nem sequer reparam que os estão a construir.(por Leonardo Ralha )

Ler mais em: http://www.cmjornal.pt/opiniao/detalhe/construcao-de-muros

A-24 disse...

Caro JJHN, estou com alguns problemas a adicionar videos, mas irei encontrar solução em breve. obrigado pelo reparo.


A-24 disse...

Bilder, agora a caça às bruxas é ao contrário, mas agora a comunicação social não faz esforço algum para divulga-lo.
E não há terrorista algum que ataque as sedes dos grandes media europeus, e porquê? porque sabem que os primeiros são aliados dos segundos e vice versa.

João José Horta Nobre disse...

Eu é que tenho de agradecer ao A-24 pela contínua divulgação que faz dos meus escritos.

Abraço ;)