segunda-feira, 12 de junho de 2017

Espanha: Pep Guardiola, o "ponta-de-lança" da imbecilidade catalã


A-24: Realizou-se no domingo passado mais um "comício" de independentistas catalães, que promoverão mais um referendo anti-constitucional para o dia 1 de Outubro. Á frente da fila de imbecis, o antigo jogador do Barcelona e da selecção espanhola, Pep Guardiola. O anormal leu o manifesto em catalão, castelhano e inglês. Só se esqueceu de referir que aquela comunidade autónoma espanhola é a que mais dinheiro recebe do país e a que mais importa lixo islâmico, como forma de obter mais votos para uma hipotética independência. Resta saber o que farão com tanto muçulo depois da independência. Já publiquei aqui vários artigos onde demonstro até que ponto vai a demência catalã, onde na cidade de Girona já 10% dos homens se chamam Maomedes, e onde existem mais mesquitas do que em qualquer outra região espanhola. Outra das grandes imbecilidades catalãs é quererem a independência para se livrarem das leis de Madrid e quererem continuar subjugados às leis da União Soviética de Bruxelas. É de gente doente e que nem merece atenção. Mas lá que isto irrita, irrita!

2 comentários:

Afonso de Portugal disse...

É com enorme prazer que leio este opinião do caro A-24, com a qual concordo inteiramente! :)

É que o caro A-24 raramente nos brinda com escritos da sua própria autoria e, a avaliar por esta amostra, faz mal!

A-24 disse...

Quem me dera ter mais tempo para tal, caro Afonso. Até a simples tarefa de fazer duas postagens por dia em que haja coerência nos temas e nas opiniões, por vezes não se revela fácil. Vamos fazendo aos poucos. O que interessa é espalhar a mesnagem da contra-concorrente e da oposição!